sexta-feira, 31 de maio de 2013

A SEGUNDA COMPETÊNCIA DA REDAÇÃO DO ENEM

















Olá, pessoal!
Antes de começar o texto propriamente dito, gostaria de pedir licença para agradecer a todos os leitores do infoEnem pelo carinho para comigo: ao ler os comentários enviados, tenho mais certeza de minha escolha profissional e de que vale muito a pena participar deste projeto. Esperamos, não só eu, mas toda equipe infoEnem, que nossas publicações continuem a  orientar e a ajudar o máximo de pessoas possível.
E foi um desses comentários que nos inspirou para o texto de hoje, no qual abordaremos a 2ª competência avaliada na redação do ENEM (clique aqui para ver todas as outras): “compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento para desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo” (BRASIL-DF, 2012, p. 14). Esta competência pode ser dividida em três partes para ser melhor entendida, basta pontuarmos as vírgulas: compreender a proposta de redação, aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento e desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Compreender a proposta de redação: o candidato deve mostrar, através de seu texto, que compreendeu totalmente a proposta de redação, que entendeu o tema e que, consequentemente, domina os limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo, isto é, que sabe redigir uma dissertação-argumentativa, como já abordamos nas primeiras publicações sobre a redação do ENEM. O candidato que escrever outro tipo textual ou gênero não atenderá à parte desta competência. Para atender totalmente a este critério, a banca elaboradora do ENEM no Guia do Participante – A Redação no ENEM 2012 orienta que os candidatos leiam com atenção a proposta e os textos motivadores, o que é o mínimo esperado. Assim, observa-se a importância crucial de uma leitura atenta e proficiente.
Aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento: pontuando este aspecto, a banca examinadora e elaboradora do ENEM quer dizer que busca textos que mostrem que os seus autores sabem estabelecer relações entre o tema proposto e outras áreas do conhecimento correlacionadas, que consigam expandir seus horizontes e não apenas ficar no senso e no lugar comum. Podemos dar como exemplo o tema da redação do ENEM 2012: Os movimentos imigratórios no Brasil no século XXI. Várias áreas do conhecimento poderiam ser relacionadas ao tema, como a política imigratória, a questão das fronteiras brasileiras, as imigrações anteriores (história do Brasil), economia (porque há imigrantes e o que os atraem para o Brasil), sistema econômico etc.
O importante é mostrar o quanto se está atualizado e inteirado sobre o tema e os textos motivadores servem para inspirar os candidatos e, sobre eles, o Guia do Participante ressalta que deve-se evitar ficar preso ao que eles trazem porque sua função é “despertar uma reflexão sobre o tema” (BRASIL-DF, 2012, p.15) e não para limitar a criatividade do candidato e, assim, estimular o estabelecimento de relações. E, por isso mesmo, a redação não deve conter cópias de trechos dos textos motivadores e, se houve, para efeito da correção, as linhas com cópias não serão consideradas.
Um dos comentários a nós enviado perguntava-nos como adquirir informações confiáveis na internet para se preparar para a redação do ENEM, já que há uma imensa quantidade de conteúdos que nem sempre são corretos. Pensamos que o leitor que nos enviou esta mensagem estava preocupado com esta 2ª competência no que se refere à aplicação de conceitos das várias áreas do conhecimento e, realmente, para atender a este aspecto deste critério, é fundamental possuir um conhecimento de mundo prévio e a internet pode ajudar sim, mas como ela possui uma imensidão de conteúdos, o ideal é buscar sites relevantes, como por exemplo, de jornais e revistas atuantes e de grande circulação nacional, páginas que trazem artigos científicos e acadêmicos (revistas acadêmicas e sites de universidades) e conteúdos de autoria confiável, de autores conhecidos.
Mas aí entra um ponto que é essencial: senso crítico. Ao ler uma notícia ou uma reportagem sobre qualquer assunto, devemos ter senso crítico para concordar, discordar, refutar e interpretar o que está escrito, já que quem escreve sempre tem intenções e uma ideologia. Devemos selecionar, de acordo com a nossa opinião, nossas fontes de informação. Por isso há assinantes de determinadas revistas e de determinados jornais, já que cada um possui seu viés ideológico e por haver mais de um modo de se abordar algo.
Os livros também possuem um papel fundamental na nossa formação: desde os livros didáticos que usamos na escola, passando pela Literatura nacional e estrangeira, eles têm uma enorme importância e todo livro nos passa uma lição, algo de bom que podemos e devemos levar para a vida e usar em situações como uma prova de redação do ENEM.
Tudo isso para nos tornarmos aquela pessoa bacana de conversar, que sabe um pouquinho de tudo, que sempre tem uma opinião a dizer. O Guia do Participante afirma que o ideal é que as redações não devem trazer “reflexões previsíveis, que demonstram pouca originalidade no desenvolvimento do tema proposto” (idem), isto é, deve-se evitar o senso e os lugares comuns, como por exemplo, colocar a culpa de todos os males da humanidade no capitalismo, na grande mídia, no consumismo e na publicidade. Obviamente eles têm sua parcela de culpa, mas devemos ponderar, já que a grata propaganda não lhe puxa pelo braço e o leva para o shopping e aí entra, novamente, o senso crítico.
Na próxima semana, continuaremos abordando esta competência explicando os cinco níveis possíveis de desempenho utilizados para avaliá-la.
Bom feriado a todos!
A Redação no ENEM 2012 – Guia do Participante disponível em http://www.inep.gov.br/.

*CAMILA DALLA POZZA PEREIRA é graduada em Letras/Português pela UNICAMP – Universidade Estadual de Campinas/SP – Atua na área de Educação exercendo funções relativas ao ensino de Língua Portuguesa, Literatura e Redação. Foi corretora de redação na 1ª fase e de Língua Portuguesa na 2ª fase do vestibular 2013 da UNICAMP – Universidade Estadual de Campinas/SP. Participou de avaliações e produções de diversos materiais didáticos, inclusive prestando serviço ao Ministério da Educação.
**Camila também é colunista semanal sobre redação do infoEnem. Um orgulho para nosso portal e um presente para nossos leitores! Suas publicações serão sempre às quintas-feiras, não percam!


terça-feira, 17 de julho de 2012

O voto é uma arma

       


        É tempo de eleições . Os partidos apresentam candidatos para representarem povo. São muitos os que pleiteiam uma vaga ao cargo de prefeito ou vereador. Cabe ao eleitorado fazer a sua escolha.
        É hora do julgamento. Para isso é indispensável que se saiba a vida pregressa de cada postulante a uma vaga seja no legislativo ou executivo. Não se pode esquecer que os representantes  do povo, necessariamente, precisam saber  seus deveres e obrigações na condução do cargo que se propõem exercer.
        Alguns candidatos já passaram pelo poder e deixaram um acumulado de dívidas. Infelizmente, estes continuam querendo  enganar a boa fé do eleitorado.
        Diante do exposto  ressalta-se a necessidade  de ficar alerta, para não cometer erros  que podem implicar no bem está  de toda uma  comunidade.O voto é a única arma que se tem para combater males como corrupção, desvios de verbas  e outros. A hora de usá-la é agora. A consciência de cada um está em jogo porque a escolha será decisiva.





quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

FRASE PARA REFLEXÃO

Quando as pessoas se unem para fazer o bem, o potencial é ilimitado. Que em 2012 unamo-nos em um só objetivo.

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

TRABALHANDO HABILIDADES DO SPAECE




O CAMARÃO MANTIS
( Fonte: Revista despertai)

O camarão mantis pode detectar luz polarizada e processá-lo de maneiras que os humanos não conseguem. As ondas de luz polarizada podem se propagar em linha reta ou em espiral. Mas ao contrário de outra criatura, esse camarão faz mais do que apenas ver a luz polarizada nesses dois formatos. Ele também consegue converter luz polarizada reta em espiral, e vice-versa. Isso faz com que o camarão tenha uma visão superior.

Os aparelhos de DVD funcionam de maneira similar. Para processar informações, eles convertem luz polarizada projetada num disco em movimento espiralado e daí reconvertem em linha reta.

Enquanto um aparelho comum de DVD apenas converte luz vermelha - ou luz azul, o olho do crustáceo converte luz de todas as cores do espectro visível.

Atividades inerentes ao texto:

1. (HABILIDADE – Identificar a finalidade de textos de gêneros diferentes.)
Esse texto foi escrito para
a) informar sobre a importância do camarão mantis
b) fazer uma analogia entre o aparelho de DVD e o camrão mantis
c) explicar a conversão da luz polarizada
d) falar sobre todas as cores do espectro visível ao olho do camarão

2.(HABILIDADE – Estabelecer relações entre partes de um texto, identificando repetições ou substituições que contribuem para sua continuidade.)

No final do texto a palavra camarão foi por
a) peixe
b)DVD
C)crustáceo
d) espectro visível

3. (HABILIDADE – Inferir uma informação implícita em um texto.)

Pode-se dizer que o camarão mantis é destaque porque .
a) funciona como um processador de imagens.
b) usa seus reflexos para a sua defesa.
c) é possível desenvolver um aparelho de DVD que leiam discos com muito mais informações.
d) é diferente de outros crustáceos.

4. Faça uma análise do texto lido.

Bom trabalho.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

EXERCÍCIO COM CHARGE DE JORNAL


ATUALIDADE EM FOCO ( FONTE: Diário donordeste 22/08/2011)


1. Sobre a charge pode-se afirmar que
a.( ) Kadafi esconde-se em qualquer lugar
b.( ) O ditador da Líbia não tem onde morar e procura o lixo
c. ( ) Kadafi não se entregará
d.( ) Kadafi exibe sua vaidade através dos óculos.

2. Dê seu ponto de vista sobre a atuação do ditador.

3. Esta jovem da foto foi enfermeira de Kadafi. O que você pensa a respeito das escolhas e a vaidade de Kadafi





BOM TRABALHO

terça-feira, 14 de junho de 2011

ONDE PODEMOS ENCONTRAR DEUS?

Na beleza da flor;

Na pureza da natureza;

Na perspicácia das aves;


Na inocência da criança;























Deus está presente nas atitudes de amor;



















No sorriso e, principalmente, no coração das pessoas.

Ele está presente nas menores coisas e nos pequenos detalhes.

PENSE NISSO!!!




quinta-feira, 3 de março de 2011

ATUALIDADES

DICAS PARA PRODUÇÃO TEXTUAL

Comente cada fragamento da reportagem

Os protestos pró-democracia que se espalharam pelo mundo árabe ameaçam agora derrubar o ditador líbio Muammar Gaddafi. Quase 300 pessoas já morreram desde o início das manifestações na Líbia. Gaddafi, porém, está cada vez mais isolado. Ele enfrenta deserções em seu Exército e a pressão internacional para que deixe o cargo, que ocupa há 41 anos.

COMENTÁRIO:

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________.
No último dia 22 de fevereiro, o Conselho de Segurança da ONU condenou o uso da violência contra os líbios. Em pronunciamento na TV, Gaddafi disse que “morreria como um mártir”, e ameaçou reprimir os manifestantes.

COMENTÁRIO:

____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________.


A Líbia é o quarto maior produtor de petróleo na África e tem o maior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do continente. A riqueza, contudo, não é bem distribuída entre a população.

COMENTÁRIO:

________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________.

Gaddafi chegou ao poder em 1969 por meio de um golpe de Estado. Nos anos 1980, financiou grupos terroristas, sofreu bombardeio americano e sanções da ONU. Na última década, se reaproximou dos Estados Unidos e da Europa. A atual crise no país mudou a situação favorável do país junto ao Ocidente.

COMENTÁRIO:

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________.


As revoltas árabes já derrubaram dois presidentes – na Tunísia e no Egito – e chegaram à Bahrein, Marrocos, Iêmen, Jordânia, Irã e Arábia Saudita.

COMENTÁRIO:

_____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________.

Produza um texto, Juntando os fragmentos que você escreveu. Lembre-se de utilizar os marcadores textuais. Dê um título a sua redação.

sábado, 26 de fevereiro de 2011

CEOM -2011 NO SPAECE

Crianças com deficiência de vitamina D desenvolvem mais alergias
Principal fonte do suplemento é a exposição ao Sol

Um estudo feito com mais de 3 mil crianças mostrou que aquelas com nível baixo de vitamina D têm mais chances de desenvolver alergias. O estudo foi publicado na revista científica Journal of Allergy and Clinical Immunology.
Para chegar ao resultado do estudo, pesquisadores da Universidade de Yeshiva, nos Estados Unidos, avaliaram a taxa da vitamina D no sangue de 3.100 crianças e adolescentes e de 3.400 adultos.
Os estudiosos realizaram entrevistas, testes físicos e exames laboratoriais, que mediram a sensibilidade dos participantes para 17 diferentes tipos de alergia.
Os resultados mostram que, entre os adultos, não havia relação entre o nível de vitamina D e alergias. No entanto, entre crianças e adolescentes, baixas taxas da vitamina foram associadas a pelo menos 11 dos 17 alergênicos testados - incluindo alergia a cães, baratas e amendoim.
A vitamina D está pouco presente na alimentação habitual: encontra-se no fígado dos peixes e no bacalhau. A principal fonte, no entanto, é a exposição ao Sol, que faz com que a pele produza a substância.
Segundo Michal Melamed, professora de Medicina da universidade e principal autora do estudo, os resultados indicam apenas uma associação entre vitamina D e alergias, e não indicam que as alergias são causadas pela deficiência da vitamina.
Apesar disso, a especialista diz que as crianças precisam consumir a quantidade certa de vitamina D. ( JORNAL RECORD TEXTO ADAPTADO PARA FINS DIDÁTICOS)

Sugestão de atividades
01-No texto, considera-se que a presença de alergia em crianças está associado
(A) à convivência em ambientes com cães, baratas.
(B) ao consumo de peixes, e bacalhau.
(C) à deficiência da vitamina D.
(D) à sensibilidade dos participantes constatou 17 diferentes tipos de alergia.
(E) a notícia de que especialistas fizeram uma descoberta a respeito de alergias em crianças.

Namoro
“O melhor do namoro, claro, é o ridículo. Vocês dois no telefone:
– Desliga você.
– Não, desliga você.
– Você.
– Você.
– Então vamos desligar juntos.
– Tá. Conta até três.
– Um…Dois…Dois e meio…
Ridículo agora, porque na hora não era não. Na hora nem os apelidos secretos que vocês tinham um para o outro, lembra?, eram ridículos. Ronron. Suzuca. Alcizanzão. Surusuzuca. Gongonha. (Gongonha!) Mamosa. Purupupuca…Não havia coisa melhor do que passar tardes inteiras no sofá, olho no olho, dizendo.
– As dondozeira ama os dondonzeiro?
– Ama.
– Mas os dondonzeiro ama as dondonzeira mais do que as dondonzeira ama os dondonzeiro.
– Na-na-não. As dondonzeira ama os dondonzeiro mais do que etc..
E, entremeando o diálogo, longos beijos, profundos beijos, beijos mais do que de língua, beijos de amígdalas, beijos catetéticos. Tardes inteiras. Confesse: ridículo só porque nunca mais.
Depois do ridículo, o melhor do namoro são as brigas. Quem diz que nunca, como quem não quer nada, arquitetou um encontro casual com a ex ou o ex só para ver se ela ou ele está com alguém, ou para fingir que não vê, ou para ver e ignorar, ou para dar um abano amistoso querendo dizer que ela ou ele agora significa tão pouco que podem até ser amigos, está mentindo. Ah, está mentindo.
E melhor do que as brigas são as reconciliações. Beijos ainda mais profundos, apelidos ainda mais lamentáveis, vistos de longe. A gente brigava mesmo era para se reconciliar depois, lembra? Oito entre dez namorados transam pela primeira vez fazendo as pazes. Não estou inventando. O IBGE tem as estatísticas.
(VERÍSSIMO, Luís Fernando. Correio Braziliense. 13/06/1999.)

2. No texto, considera-se que o melhor do namoro é o ridículo associado
(A) às brigas por amor.
(B) às mentiras inocentes.
(C) às reconciliações felizes.
(D) aos apelidos carinhosos.
(E) aos telefonemas intermináveis.

Todo ponto de vista é a vista de um ponto
Ler significa reler e compreender, interpretar. Cada um lê com os olhos que tem. E interpreta a partir de onde os pés pisam.
Todo ponto de vista é um ponto. Para entender como alguém lê, é necessário saber como são
seus olhos e qual é sua visão de mundo. Isso faz da leitura sempre uma releitura.
A cabeça pensa a partir de onde os pés pisam. Para compreender, é essencial conhecer o lugar
social de quem olha. Vale dizer: como alguém vive, com quem convive, que experiências tem, em
que trabalha, que desejos alimenta, como assume os dramas da vida e da morte e que esperanças
o animam. Isso faz da compreensão sempre uma interpretação.
BOFF, Leonardo. A águia e a galinha. 4ª ed. RJ: Sextante, 1999

3. A expressão “com os olhos que tem”, no texto, tem o sentido de
(A) enfatizar a leitura.
(B) incentivar a leitura.
(C) individualizar a leitura.
(D) priorizar a leitura.
(E) valorizar a leitura

4. O primeiro texto (Crianças com deficiências de vitamina D) foi escrito com o objetivo de
A. conscientizar o leitor.
B. apresentar o sumário de uma obra.
C. opinar sobre uma notícia.
D. dar informações sobre descobertas científicas.
E. narrar uma aventura de um cientista.

5.Indique a fonte dos três textos.

6. Seguindo os parâmetros do texto Namoro, escreva uma conversa real que tenha acontecido entre você e seu (a) ficante ou namorado (a).




CEOM -2011 NO SPAECE

Crianças com deficiência de vitamina D
desenvolvem mais alergias
Principal fonte do suplemento é a exposição ao Sol

Um estudo feito com mais de 3 mil crianças mostrou que aquelas com nível baixo de vitamina D têm mais chances de desenvolver alergias. O estudo foi publicado na revista científica Journal of Allergy and Clinical Immunology.
Para chegar ao resultado do estudo, pesquisadores da Universidade de Yeshiva, nos Estados Unidos, avaliaram a taxa da vitamina D no sangue de 3.100 crianças e adolescentes e de 3.400 adultos.
Os estudiosos realizaram entrevistas, testes físicos e exames laboratoriais, que mediram a sensibilidade dos participantes para 17 diferentes tipos de alergia.
Os resultados mostram que, entre os adultos, não havia relação entre o nível de vitamina D e alergias. No entanto, entre crianças e adolescentes, baixas taxas da vitamina foram associadas a pelo menos 11 dos 17 alergênicos testados - incluindo alergia a cães, baratas e amendoim.
A vitamina D está pouco presente na alimentação habitual: encontra-se no fígado dos peixes e no bacalhau. A principal fonte, no entanto, é a exposição ao Sol, que faz com que a pele produza a substância.
Segundo Michal Melamed, professora de Medicina da universidade e principal autora do estudo, os resultados indicam apenas uma associação entre vitamina D e alergias, e não indicam que as alergias são causadas pela deficiência da vitamina.
Apesar disso, a especialista diz que as crianças precisam consumir a quantidade certa de vitamina D.

01-No texto, considera-se que a presença de alergia em crianças está associado
(A)à convivência em ambientes com cães, baratas.
(B)ao consumo de peixes, e bacalhau.
(C)à deficiência da vitamina D.
(D)à sensibilidade dos participantes constatou 17 diferentes tipos de alergia.
(E)a notícia de que especialistas fizeram uma descoberta a respeito de alergias em crianças.

Namoro
“O melhor do namoro, claro, é o ridículo. Vocês dois no telefone:
– Desliga você.
– Não, desliga você.
– Você.
– Você.
– Então vamos desligar juntos.
– Tá. Conta até três.
– Um…Dois…Dois e meio…
Ridículo agora, porque na hora não era não. Na hora nem os apelidos secretos que vocês tinham um para o outro, lembra?, eram ridículos. Ronron. Suzuca. Alcizanzão. Surusuzuca. Gongonha. (Gongonha!) Mamosa. Purupupuca…Não havia coisa melhor do que passar tardes inteiras no sofá, olho no olho, dizendo.
– As dondozeira ama os dondonzeiro?
– Ama.
– Mas os dondonzeiro ama as dondonzeira mais do que as dondonzeira ama os dondonzeiro.
– Na-na-não. As dondonzeira ama os dondonzeiro mais do que etc..
E, entremeando o diálogo, longos beijos, profundos beijos, beijos mais do que de língua, beijos de amígdalas, beijos catetéticos. Tardes inteiras. Confesse: ridículo só porque nunca mais.
Depois do ridículo, o melhor do namoro são as brigas. Quem diz que nunca, como quem não quer nada, arquitetou um encontro casual com a ex ou o ex só para ver se ela ou ele está com alguém, ou para fingir que não vê, ou para ver e ignorar, ou para dar um abano amistoso querendo dizer que ela ou ele agora significa tão pouco que podem até ser amigos, está mentindo. Ah, está mentindo.
E melhor do que as brigas são as reconciliações. Beijos ainda mais profundos, apelidos ainda mais lamentáveis, vistos de longe. A gente brigava mesmo era para se reconciliar depois, lembra? Oito entre dez namorados transam pela primeira vez fazendo as pazes. Não estou inventando. O IBGE tem as estatísticas.
(VERÍSSIMO, Luís Fernando. Correio Braziliense. 13/06/1999.)

2. No texto, considera-se que o melhor do namoro é o ridículo associado
(A) às brigas por amor.
(B) às mentiras inocentes.
(C) às reconciliações felizes.
(D) aos apelidos carinhosos.
(E) aos telefonemas intermináveis.

Todo ponto de vista é a vista de um ponto

Ler significa reler e compreender, interpretar. Cada um lê com os olhos que tem. E interpreta a
partir de onde os pés pisam.
Todo ponto de vista é um ponto. Para entender como alguém lê, é necessário saber como são
seus olhos e qual é sua visão de mundo. Isso faz da leitura sempre uma releitura.
A cabeça pensa a partir de onde os pés pisam. Para compreender, é essencial conhecer o lugar
social de quem olha. Vale dizer: como alguém vive, com quem convive, que experiências tem, em
que trabalha, que desejos alimenta, como assume os dramas da vida e da morte e que esperanças
o animam. Isso faz da compreensão sempre uma interpretação.
BOFF, Leonardo. A águia e a galinha. 4ª ed. RJ: Sextante, 1999

3. A expressão “com os olhos que tem”, no texto, tem o sentido de
(A) enfatizar a leitura.
(B) incentivar a leitura.
(C) individualizar a leitura.
(D) priorizar a leitura.
(E) valorizar a leitura

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

MATERIAL PARA AS AULAS DE REDAÇÃO

leia o texto com bastante atenção

Clima de abandono

Encontrar celulares, drogas e outras coisas mais no interior dos presídios cearenses virou uma prática, mas por que isso entra nesses locais de segurança máxima? Acredito que não é através dos visitantes, haja vista a via crucis pela qual passam antes de atingirem o interior daqueles estabelecimentos.

Outro dia, foi divulgada pela imprensa local a aquisição de um equipamento para detectar qualquer material que não poderia "chegar" às mãos dos detentos. Então, esse equipamento não está funcionando ou não está ativado quando mais é necessário.

Deve haver alguém contribuindo para que isso aconteça. Enquanto não se entender que esses locais são tidos como área de risco e todas as pessoas que queiram adentrá-los deverão passar por minuciosa vistoria, sem exceção, incluindo advogados, funcionários, etc. esse problema não terá fim.

Os administradores precisam ser mais vigilantes e estarem atentos para as irregularidades que estão a vista. Não adiante ser intolerante só para mostrar serviço, tem que agir com rigidez e educação. Pra isso está faltando preparação. ( TEXTO ADAPTADO PARA FINS DIDÁTICOS)

(Sobre matéria publicada na editoria de Polícia, sob o título "IPPS e IPPOO vivem clima de abandono e insegurança")

http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=926611

01/02/2011

PRODUÇÃO TEXTUAL

1. 1. Faça um comentário sobre esta matéria;

2. 2.Disserte sobre o seguinte tema:

A A situação dos presídios brasileiros.